23 agosto 2015

Tag literária: no País das Maravilhas (yes, I come back)

Sabe aquelas coisas que tiram sua cabeça da fantasiosidade das palavras e a colocam na vida real, nos dando um bloqueio criativo? Talvez não. Mas é isso que aconteceu comigo. Foi a terrível da escola. Tenho dois seminários, um de Língua Portuguesa e eu falo assim mesmo e um de Geografia. O problema é que até agora o professor de Geografia não passou nada do terceiro bimestre, só falando desse seminário & até fez um seminário teste para dizer que tínhamos que fazer. Além disso ser um saco, é desnecessário ficarmos sem nota ou matéria atrasada por uma besteirinha dessas. Vou falar de Clarice Lispector no outro seminário, então está correndo tudo ótimo.
Adivinhem o que fiz ontem? Comprei o livro que estava esperando para comprar desde que saiu e que terá resenha aqui no blog: A Herdeira. Provavelmente estarei no fim dele ainda hoje (comecei ontem), então podem ter a maior certeza de suas vidas que ainda essa semana vai resenha desse livro. Até lá, tentarei não comentar nada sobre ele.
Como disse anteriormente, um bloqueio criativo maligno roubou minhas palavras e resolvi fazer algo que não faço há tempos: uma tag literária. Vamos lá, então. Ah, essa tag eu vi no canal da Melina Souza, do Serendipity. Agora sim, vamos lá.
A tag consiste em, simplesmente, escolher um livro para cada personagem de Alice no País das Maravilhas. Como a maior parte de seres vivos e mortos, eu gosto de Alice in Wonderland (motivos pelos quais criei o conto Alice Está Morta) e por isso a escolha dessa tag.
1. Alice: um livro que te fez cair em um mundo completamente diferente. 
Ah, esse livro. Como legítima whovian, fã de Doctor Who desde os meados de 2012, eu tinha que adquirir um livro da série logo. Gastei meus únicos 50 reais nesse livro, o dinheiro mais bem gasto da minha vida. O livro conta com um conto de cada um dos 12 Doutores, um autor diferente pra cada conto. Doctor Who já me fazia voar pelas estrelas, mas com livros a coisa é bem mais diferente. Me senti mergulhada profundamente na vida do Doutor, como uma verdadeira companion. Eu poderia colocar Harry Potter aqui? Mas é claro. Mas nenhum livro - fora A Seleção, que empata - vai conseguir me jogar em um mundo diferente como 12 Doutores, 12 Histórias conseguiu. Eu recomendo pra quem é fã e pra quem acabou de conhecer a série.
2. Chapeleiro Maluco: um livro com um protagonista louco
Tipos diferentes de câmera. Eu sei. Mas tirei essas fotos em dias diferentes, sim? Enfim...
Sherlock Holmes não é louco, oh, não. Mas algumas de suas atitudes são excêntricas, quase malucas. Ele se joga no chão e começa a analisar pó e coisas do tipo. Ela só olha pra você e sabe em quê trabalha, porquê, com o quê e com quem. Isso é um pouco de loucura, sim. A inteligência pode levar à loucura? Talvez. Só sei que Holmes é meu detetive favorito por razões óbvias: suas loucuras inteligentes são maravilhosas.
3. Coelho Branco: um livro que atrasou suas leituras
O livro é ruim. Eu lia um pouco e parava, demorei mais ou menos umas duas semanas pra ler esse livro. O problema é que ele não me dava vontade de continuar. A personagem principal era um porre, aguenta-la era triste. O que salvou essa história de fanfic de garota de 11 anos foi a escrita da autora. De resto, sem mais comentários. Ah, é claro: eu não recomendo. Não precisa gastar dinheiro nesse livro se você tem o Nyah! Fanfiction daí da tua casa.
4. Gato risonho: um livro que te fez rir
Vou repetir um livro, posso? Enfim, vocês não tem escolha. Me aturem. Vou escolher 12 Doutores, 12 Histórias again porque de todos os livros que já li na minha vida esse com certeza foi o que mais ri. A forma quase inocente do Doutor de agir, de pensar e de falar em certos momentos me fez rir quase tanto quanto na própria série. O conto do Primeiro Doutor, Uma Mãozinha Para o Doutor, fez eu ficar com um sorriso bobo do início ao fim. P.S.: tem citação de Harry Potter e do Décimo Primeiro Doutor!
5. Lagarta Azul: um livro que fez você refletir
Poemas são refletíveis, concordemos. Mas Mario Quintana é mais. Eu Passarinho é um livro cheio de poemas que me fizeram ter nostalgias infantis por um bom tempo. É fácil lembrar-se do tempo da infância sem deixar de, além de ficar impressionado com a forma de usar as palavras de Mario Quintana, você consegue refletir de maneiras simplesmente inexplicáveis. Leiam esse livro, se apaixonem por Mario Quintana junto comigo.
6. Tweedledee e Tweedledum: dois livros que são parecidos

Cidade dos Ossos, ou Os Instrumentos Mortais, é uma inspiração pra quem está começando mas também para quem já está no mundo da escrita há tempos. É o caso de Douglas MCT. Essas coisas não acontecem só em distopia, não. Ambos contam a história de mundos dentro ou fora de mundos, mas o problema maior é que Necrópolis consegue fazer várias coisitas iguais ao Cidade dos Ossos sem notar. Mais necessariamente neste segundo livro, A Batalha das Feras. Por exemplo: em Cidade de Vidro existe um local que não vou lembrar o nome e que uma das personagens cita que todos os caminhos da Cidade de Vidro dão para esse local. Em Necrópolis existe Isqueópolis, em que todos os ligares dão para esse local. Tem também os lycantropos... Enfim, o autor nem sequer disfarçou a "inspiração".
7. Rainha de Copas: um livro cujo autor adora matar personagens
Fã de Harry Potter que sou seria impossível não escolher esses livros. Ainda estou traumatizada pela morte de Sirius Black no quinto livro, ainda não estou pronta para a morte de Dumbledore no próximo livro. Sim, só tenho esses livros em péssimo estado. Podem rir da minha pobreza.
E eu espero que tenham gostado. Senhorita Hannah Mila, poderia por favor comparecer ao balcão? Gostaria que você fizesse essa tag.
Até mais.

14 comentários:

  1. Que tag interessante! Nunca tinha visto, mas adorei! Pensando em fazer ^^

    http://sweetpoisonteen.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça sim, ela é muito legal ^^

      Excluir
  2. Oii o/.
    Tudo bem? Achei a tag bem interessante, eu ainda não tinha a visto. Talvez eu faça a tag algum dia desses!
    Kisses candy ♥ l http://candycherry-bynate.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Belle ♥

    Bloqueio criativo é a pior coisa que pode acontecer com alguém que gosta de escrever - sério! Mas se esforçando, ele vai embora rápido (não foi o meu caso x.x). Também tenho bastantes trabalhos de escola (uma das razões de o Meu Mundo estar meio parado) e eu gosto, é uma maneira mais legal de levar nota, já que eu detesto provas. Ainda não li A Herdeira, mas tenho em PDF em algum canto aqui no celular. É pura preguiça mesmo, além do que eu ouvi que a protagonista é meio chata e não estou com saco pra essas no momento )o)

    A tag é muito legal, eu amo essas tags literárias baseadas em personagens de livros *u* "Senhorita Hannah Mila, poderia por favor comparecer ao balcão? Gostaria que você fizesse essa tag." - amei demais isso 8D Vou fazer ela sim! Talvez demore um pouco, tho, porque já tenho algumas tags acumuladas lá e vou fazer elas primeiro \o/

    Ainda não terminei 12 Doutores, coloquei algumas leituras mais antigas à frente ;w; Mas eu estou lendo os contos aos poucos. Recomendo que você leia Shada, de DW! É uma história super legal com o 4th Doctor, o meu preferido da série clássica ♥ Do Sir Conan Doyle eu li Um Estudo em Vermelho e o Signo dos Quatro, e gostei muito! Só não li mais porque não tinha na biblioteca ;w;

    Eu amo poemas, mas acho que nunca li um livro de poemas propriamente dito. Folheei alguns, mas nunca parei pra ler )o) Vou procurar os do Mario Quintana porque sei que você ama, então deve ser bom -q Por alguma razão, uma das mortes que eu mais sofri em HP foi a do Fred. Foi provavelmente a única que eu chorei de verdade, e eu nem sei porque )o) Acho que eu sou mais apegada a ele do que eu imagino 8D E não se preocupe com o estado dos livros, pra mim isso significa que eles foram usados, amados e aproveitados! Livro sem algumas lombadas amassadas ou orelhas não têm graça u.u

    That's it~ Bye bye \o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por mais que eu me esforce pra destruir esse bloqueio criativo ele sempre volta por causa dos professores e etc. Me sinto... vazia. Eu prefiro quando passam trabalhos individuais, pois odeio trabalhos em grupo e minha nota depender dos outros é bem triste. Acabei de terminar de ler! Daqui a pouco tem resenha, viu?
      Faça sim, adoraria ver suas respostas!
      Se for realmente ler Mario Quintana recomendo Eu Passarinho e Nariz de Vidro, são livros de poemas maravilhosos que não são nem um pouco cansativos. Eu detesto a morte do Fred, fico muito triste mesmo, também >< Acho que vou ficar muito triste na do Dumbledore e do Snape, sei lá.
      Pulei um pedaço do seu comentário, hehe. Bom, quando tive 12 Doutores, 12 Histórias na mão quis terminar e também não quis no momento em que comecei. Recomendo você termina-lo logo, é maravilhoso >< Shada está na minha lista de livros de Doctor Who pra comprar, mas acho que O Prisioneiro dos Daleks ou Quando Cair o Verão & Outras Histórias vai entrar na frente. Leia As Aventuras de Sherlock Holmes, é maravilhoso.
      Bye ~

      Excluir
  4. Eu tava vendo a tag, e os livros também logicamente, e eu não conhecia nenhum, até q me deparei com Cidade dos Ossos MDDDDDSSSSSSSSSSSS Q COISA LINDA XENTI
    Adorei a tag ^^
    ~seguindo

    Kissus http://c-omebackhome.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cidade dos Ossos é uma coisa linda, não é mesmo?

      Excluir
  5. Tag diferente, gostei *u*
    Já ouvi falar muito em After e a maioria das pessoas diz que é muito bom... Livros físicos não se compraram a nada digital, pelo menos pra mim.
    Eu comecei a assistir Doctor Who mas depois da primeira temporada, só vi alguns episódios aleatórios skjsksjdjkd

    Beijos,
    tea-with-cake.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas não é. Juro. Dependendo do seu ponto de vista, é claro. Se você for fã de romances, fã de verdade, talvez goste. Eu não sou tão fã, achei mais ou menos.
      Termine de assistir! A série só fica melhor, juro.

      Excluir
  6. Tag diferente, gostei *u*
    Já ouvi falar muito em After e a maioria das pessoas diz que é muito bom... Livros físicos não se compraram a nada digital, pelo menos pra mim.
    Eu comecei a assistir Doctor Who mas depois da primeira temporada, só vi alguns episódios aleatórios skjsksjdjkd

    Beijos,
    tea-with-cake.net

    ResponderExcluir
  7. Tag diferente, gostei *u*
    Já ouvi falar muito em After e a maioria das pessoas diz que é muito bom... Livros físicos não se compraram a nada digital, pelo menos pra mim.
    Eu comecei a assistir Doctor Who mas depois da primeira temporada, só vi alguns episódios aleatórios skjsksjdjkd

    Beijos,
    tea-with-cake.net

    ResponderExcluir
  8. BELLE
    FAZ MAIS DE UM MÊS QUE NÃO TEM POST
    POR FAVOR, NÃO MATE O PHOTOGRAPHY AND COFFEE
    É LINDO
    É MARAVILHOSO
    É ISSO
    VOLTA LOGO

    ResponderExcluir
  9. Que tag legal.
    Ainda não li nenhum desses livros, mas alguns já estão na minha listinha haha
    Sou bem curiosa pra ler Doctor Who *--*

    Beijos
    www.colecionandoprimaveras.com.br

    ResponderExcluir