01 maio 2015

Acúmulo de leituras de ultimamente

Está é a bilionésima vez que tento fazer esse post. Vamos lá.
Gente! Nunca pensei que minha concentração pudesse ser desviada tão facilmente. Eu tentei a semana inteira fazer um post (necessariamente esse post), mas sempre aconteciam milhões de fatores que desviavam minha atenção e acabava que eu não terminava o post. Entre elas estão:
-Twitter
-Internet lenta
-Pessoas e televisão falando muito alto
Entre muitos outros que no momento não lembraria. Mas agora vou tentar fazer esse post de uma vez por todas. Espero sinceramente que nada me atrapalhe.
Bom, minha vida continua a mesma. Digamos que li bastante (meus livros acabaram nesse feriado, ou seja, estou sem nada pra ler e estou bem triste por isso), vi alguns filmes e tal e hoje resolvi fazer um post simples. E ah, assisti Malévola faz pouco tempo e gente, é um ótimo filme, porém foi meio "encurtado". Afinal, eram só uma hora e meia. O filme era bom o suficiente pra duas horas. 
Nesse tempo em que as forças das trevas estavam tentando me impedir de me aproximar do meu blog, eu estava tendo fazer um leituras de ultimamente, porque tenho uma meta de 25 livros para ler e tal, para vocês acompanharem comigo. Mas foram muitas leituras que fiz ainda bem, então foi meio que um enorme acúmulo. O post de hoje será bem grande. 
A Vendedora de Fósforos
Eu li esse livro por ler. Gostei da capa, então peguei emprestado na biblioteca da escola. O livro conta a história de duas irmãs que viveram se mudando. Ele vai narrando os acontecimentos da vida das meninas, em meio a uma família "peculiar" e uma vida diferente das outras pessoas. Enfim, o livro é realmente muito bom, a narrativa é bem poética. Um ponto do forte do livro é isso: a narrativa. Por mais diferente que seja, sua vida se reflete na das meninas. Tem um momento em que uma das personagens (não sei o nome, elas nunca dizem o nome uma da outra) está em um momento horroroso da vida, e começa a dar sinais de depressão. E eu comecei a refletir sobre minha própria vida, comecei a me sentir como a personagem. Um ótimo livro, porém um tanto confuso.
Cira e o Velho
Peguei esse livro emprestado com a minha prima, ela não pede de volta e eu não entrego, enfim... Eu fui ler esse livro por ler mesmo, estava sem nada pra ler. Mas, depois de ver uma resenha da Tatiana Feltrin dizendo que tinha gostado muito, me animei para lê-lo. É cheio de coisas folclóricas e etc, porém vou tentar ser clara: Cobra Norato e a bruxa Guaracy se apaixonam e tem uma filha, Cira. Mas a irmã do Norato, Maria Caninana, resolvi matar todos os filhos dele com a ajuda do Velho. Ele, obviamente, mata Cira mas ela milagrosamente sobrevive e resolve se vingar dele. Eu não era lá muito chegada no folclore brasileiro, mas esse livro realmente mostrou que ele pode ser fantástico. E o final é magnífico, fiquei olhando pra parede uma vida e pensando "OMG".
Os Crimes do Monograma
Não disse que as forças das trevas estão conspirando contra mim? Minha mãe apareceu e não consegui postar mais... Eu peguei esse livro emprestado com minha prima, uma grande fã de Agatha Christie. Ela leu três livros e comprou este, aí como está fazendo vestibular e eu queria ler este livro, ela me emprestou antes de lê-lo. Ele não é exatamente da Agatha, como podem ver na capa, mas ainda assim é muito bom e com certeza comprarei o próximo. Ele conta a história de um crime dificílimo: três pessoas foram mortas em um hotel de Londres da mesma maneira, cada uma com uma abotoadura na boca, monogramadas PIJ. Hercule Poirot e Edward Catchpool (da Scotland Yard) são encaminhados para resolver o caso.
A casa página ele fica cada vez mais impossível. Sério, e o Poirot insistia em deixar perguntas no ar sem dizer as respostas delas. Me senti igual o Catchpool enquanto lia. Ele foi meu personagem favorito desde o início, simpatizei com ele desde o começo (mesmo que ele seja meio lento pra estar na polícia, eu sabia das coisas bem antes dele descobrir). Isso só prova que tenho alguma coisa contra protagonistas femininas.
A Maldição do Tigre
Eu peguei esse livro por acaso também. E o começo é terrível gente, sério. Ele é bem óbvio, pra dizer a verdade. Vai contar a história da Kelsey, uma garota de quase dezoito anos que acabou a escola e agora está procurando um emprego de verão para conseguir dinheiro pra faculdade. Ela consegue em um circo, e descobre nesse mesmo circo um tigre branco com quem sente uma forte ligação. Ela descobre que esse tal tigre é na verdade um príncipe da Índia de mais de 300 anos que está preso em uma maldição. Então ela parte em uma aventura tentando quebra-la. Enfim, uma história um tanto clichê e até meio chata no início. O que realmente me fez querer ler o próximo foi o final. Eu tenho um quote que resume bem o livro inteiro, junto com o final:
"Acho que me apaixonar por ele seria como mergulhar em um precipício. Seria ou a melhor coisa que me aconteceria ou o erro mais idiota que eu cometeria. Faria com que minha vida valesse a pena ou com que eu me chocasse contra as pedras e me arrebentasse completamente. Talvez a coisa mais sábia a fazer fosse desacelerar as coisas. Ser amigos parecia tão mais simples." -Página 216
Sim. Esse livro é basicamente isso. Mesmo assim gostaria de ler o segundo livro, se achar alguém que tenha a série completa vou pedir emprestado. Enfim, vale a pena? Não. Mas é um bom livro.
E pra provar que eu tenho algo contra protagonistas feministas, essas me irritou muito. Pessoas do planeta Terra, se você tivesse um príncipe lindo, maravilhoso, perfeito, gentil, charmoso e tudo isso, afastaria ele? E se fosse afastar, duvido que faria as idiotices que a Kelsey faz. Colocou as mãos em sua blusa para empurra-lo, mas acabou agarrando-a. Sim, isto é uma fala dela, que eu nunca vou esquecer por ser sido uma das atitudes mais estúpidas dela.

That's all, folks. Faltaram muitos livros, tipo Tá Falando Grego? e 80 Anos de Poesia, mas cada um deles terá seu post especial. Espero que consiga controlar meu sumiço. Até. 

12 comentários:

  1. Eu queria ler da Agatha, mas ate agora nada saushua. Os que você citou só li A Maldição do Tigre, que por acaso não gostei e ate hoje não me despertou interesse de ler a sequencia (concordo que capas dos livros são lindas).

    *Luna Nacht*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As capas do livro são muito lindas, mas os livros são horríveis. Gostei do final (mais necessariamente do Ren), mas não vou ver se a sequência melhora.

      Excluir
  2. Belle, eu MEGA me distraio quando vou postar, tento deixar pronto no rascunho mas nunca consigo. Tô lendo um livro agora, O Livro dos Vilões, é bem legal, mas tô enrolando kjsdja. Desses quero ler Os Crimes do Monograma e A Maldição do Tigre.
    www.dai-sies.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não gosto de deixar pronto, gosto de escrever exatamente o que estou sentido. O blog é uma diversão, afinal. leia esses dois livros logo, são maravilhosos.

      Excluir
  3. Olá Belle.
    Ultimamente eu tenho passado por problemas desse tipo, sempre por falta de tempo. E quando consigo tempo para me sentar na frente do PC e abrir o blogger parece que forças do mal começam a conspirar contra.
    Sei exatamente do que você está falando. Pessoas falando no local onde estou, tv ligada ou qualquer outra coisa que produza sons que não quero ouvir e até alguém se movimentando ao meu lado consegue mexer com minha concentração, é horrível.
    Sobre seus últimos lidos adoraria ler Os Crimes do Monograma, parece ser uma história bem legal. Apesar que há dias estou tentando terminar de ler Zumbis vs Unicórnios e não consigo, pura ironia talvez, considerando que os dois são seres que gosto.
    Sempre tive vontade de ler A Maldição do Tigre, já vi tantas promoções e tive tantas oportunidades de compra-lo que perdi as contas. Mas ainda assim tenho medo. Estou com de ressaca em relação à livros de romances, ainda mais depois do que você disse, esse me pareceu ser daqueles bem melosos.
    Com relação à Cira e o Velho, acho que tentaria ler, venho abrindo espaço para livros folclóricos. O ultimo que li e te recomendo foi Sangue de Lobo, de escritoras brasileiras. Ele é ótimo!
    Enfim, adoraria ver suas outras leituras. Que sorte esteja ao seu favor, Belle! Espero que consiga fazer um novo post o mais rápido possível!

    Um Abraço, Lonely S.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse momento foi um desses: eu ia começar a ler esse comentário e meu irmão falou alguma coisa. Bem triste.
      Eu gosto muito da capa de Zumbis vs Unicórnios, mas sei lá, não sei se iria gostar mesmo do livro (por mais que amo unicórnios). Tenho receio sobre ele.
      Também sempre tive receio de ler esse livro, e já tive muitas chances de comprá-lo. Mas acho que estava certa quando não comprei, porque não achei lá essas coisas. Seria considerado dinheiro jogado no lixo.
      Realmente, que a sorte esteja a meu favor!
      Bye ~

      Excluir
  4. Eu sei como é, ás vezes fazer postagem fica chato, sem inspiração e tal. Amei os livros, inclusive tô louca pra ler A Maldição do Tigre <3 Amei seu blog! Aceita afiliação?
    http://o-hyeah.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que leia logo A Maldição do Tigre e que goste, porque com certeza não entrou pros meus livros de romance favoritos.

      Excluir
  5. great post xx

    http://haileylauderdale.blogspot.com
    http://closetofgypsies.tumblr.com

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Desses livros eu só tinha ouvido falar do último. Mas nunca li uma resenha dele, e agora, vendo isso, eu acho que me iludi um pouco. Ele parecia ser algo bem mais grandioso.
    Nesse mês eu só li um livro, porque ando bem enrolada @-@
    Raw Blog and Raw Page

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é tudo isso que as pessoas dizem não ><
      Ando lendo poucos livros também, estamos todos enrolados no fim.

      Excluir